sexta-feira, 16 de abril de 2010

Cefpe divulga inscrição para contratação de Tutores - Profuncionário

A Secretaria Municipal de Educação de Goiânia (SME), por meio do Departamento Pedagógico (DEPE) e Departamento de Gestão de Pessoal (DGP), vem, por meio deste, divulgar a abertura das inscrições para o cargo de tutor do Profuncionário – Curso Técnico de Formação para os Funcionários Administrativos da Educação. Esse curso é destinado a qualificação profissional, em nível técnico, dos servidores administrativos das instituições educacionais da RME de Goiânia nas seguintes habilitações: Técnico em Gestão Escolar, Técnico em Alimentação Escolar, Técnico em Multimeios Didáticos e Técnico em Meio Ambiente e Manutenção da Infraestrutura Escolar. O Profuncionário está previsto para acontecer no período de agosto de 2010 a dezembro de 2011, em parceria com o Ministério da Educação (MEC), Secretaria de Estado da Educação de Goiás (SEE) e SME de Goiânia. De acordo com a parceria firmada entre esses órgãos, compete à SME divulgar e inscrever os servidores administrativos nas turmas do curso, conforme habilitações acima descritas, bem como contratar 20 (vinte) tutores para atuarem nestas turmas.

Para seleção e contratação de tutores, a SME realizará, no período de 03 a 07 de maio de 2010, o recebimento de inscrições (Formulário de Inscrição anexo ao ofício) dos Profissionais da Educação (PE II) interessados em trabalhar, com acréscimo de 20 horas na sua carga horária, como tutores nas turmas do curso. Para inscrição, seleção e contratação de tutores, a SME verificará se o candidato a tutor atende os seguintes pré-requisitos:

Ser Profissional da Educação (PE II) efetivo e modulado nas instituições educacionais da RME.

Ser pós - graduado (lato sensu ou stricto sensu) por instituição reconhecido pelo MEC, preferencialmente, na Área de Educação.

Ter experiência em EAD – Educação a Distância (comprovada por declaração).

Dominar as ferramentas do Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA), comprovada por meio de Prova Prática.

Ter disponibilidade de tempo para participar da formação a ser oferecida pelo Instituto Federal de Goiás (Assinar Termo de Compromisso)

Ter disponibilidade para acompanhamento dos cursistas nas atividades práticas supervisionadas nas instituições educacionais.

Ter disponibilidade para cumprir 20 (vinte) horas semanais, a serem distribuídas em dias e horários alternados, segundo a organização do curso.

Ter disponibilidade, aos sábados, para realização de encontros presenciais com os cursistas.

Ter sido aprovado em entrevista realizada pelo Centro de Formação dos Profissionais da Educação da Secretaria Municipal de Educação de Goiânia/CEFPE.

Obter média 7,0 (sete) na prova de conhecimentos específicos, vinculados à educação e às ferramentas do Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA), aplicada pelo Núcleo de Tecnologia Educacional de Goiânia – NTE/Secretaria de Estado da Educação de Goiás.

Os tutores serão contratados para desenvolver as seguintes funções:

Planejar e ministrar os encontros presenciais quinzenais nos sábados e demais encontros programados pela coordenação do curso.

Planejar as atividades de ensino-aprendizagem vinculadas à proposta do Profuncionário.

Motivar, orientar e acompanhar os alunos em estudos e pesquisas teóricas e práticas nos encontros presenciais e nas atividades desenvolvidas nas instituições educacionais.

Participar de reuniões com os Professores Orientadores e os Coordenadores do Profuncionário.

Participar de cursos de formação continuada articulados ao Profuncionário.

No ato da inscrição o candidato a tutor deverá entregar a Ficha de Inscrição (enviada anexa ao ofício), devidamente preenchido com cópias dos seguintes documentos: Currículo Lattes, diploma ou declaração de conclusão de curso de pós-graduação e demais declarações que comprovem sua experiência em EaD. O Formulário de Inscrição e os documentos listados deverão ser entregues, pessoalmente, pelo professor na secretaria do Centro de Formação dos Profissionais da Educação (CEFPE) – Av. Paranaíba n 871 Centro, Goiânia-GO, impreterivelmente, no período de 03 a 07 de maio de 2010.

Ressalta-se que a seleção dos candidatos a função de tutor será realizada por meio da análise de currículo e prova. O número de selecionados poderá ser superior ao número de vagas oferecidas, com objetivo de assegurar um banco de reserva para futuras contratações, conforme necessidade do curso. O candidato aprovado para atuar como tutor, no Profuncionário, receberá um acréscimo de 20 horas na carga horária para trabalhar em uma turma do curso, sendo que cada turma terá um quantitativo máximo de 20 cursistas. Ressaltamos ainda que o candidato só terá direito ao acréscimo após início do curso.

Fonte: Cefepe

Nenhum comentário:

Postar um comentário